Grupos de Pedal

Romaria a Aparecida do Norte

Roda Presa Zona Sul

Bora galera !!!! Pessoal ansioso para colocar as bikes na estrada !

 

Nosso amigo Eduardo pela segunda vez no ano indo para Aparecida.

Tudo bem meus amigos??? A nossa cicloviagem dessa vez foi uma romaria também. Pois bem,  alguns integrantes do Roda Presa já tinham ido uma primeira vez quando fomos juntos com Caminhos e Trilhas, só que dessa vez foi diferente.

Dessa vez, tive que organizar, marinheiro de primeira viagem, mas deixa eu te falar, depois que voltei a andar de bike, a vida foi me dando mais desafios, e proporcionando a ida para lugares que nunca pensei em ir de bike, e o melhor de tudo, conhecendo pessoas maravilhosas!!!

A gente que anda de bike é 10 né galera rsrs.

A ideia começou a surgir há um tempinho. O pessoal falando e aí Anderson! Agita uma cicloviagem em outubro para Aparecida, que eu vou !! Eu pensei será?  Sei não…..é a maior responsa!!!! E ficava matutando ……Foi chegando setembro, aí a galera pilhando, disseram: a gente vai!!!!! Chamei o meu amigo Douglas Barros, e resolvemos segurar essa responsa juntos!

Tenho um amigo que tem uma van, mas como eu, marinheiro de primeira viagem também rs rs. Ele deu o valor do aluguel, e iríamos repartir em quinze pessoas. Logo a van estava lotada. Douglas e eu, ficamos com a responsa de contratar a van,  a comida e a hidratação da galera.

Outros amigos começaram a falar: Orra meu!!!! Nem me chamaram, faz outra lista aí Anderson!!! Nós vamos também,  aí surgiram mais quinze ciclistas na nossa cicloviagem.

Chegou o grande dia, seis de outubro de dois mil e dezessete, os 30 amigos reunidos, sendo vinte e sete homens e três mulheres protagonistas desse pedal, Andréa, Priscila e Amélia. Antes de sair, em um círculo nos demos as mãos, e rezamos um Pai nosso e uma Ave Maria, pedimos proteção para a nossa cicloviagem da Fé.

Saímos exatamente ás 22:40, rumo a Nossa Senhora de Aparecida. Saímos em direção a Marginal Pinheiros, pegamos a Av. 9 de Julho e quando passamos por dentro do túnel começamos todos a gritar em toda sua extensão!  Gritaria no túnel é como deixássemos todo o nosso estresse ali!!!!! Eu recomendo!!! Foi por volta das 23:20 e por coincidência, vinte quilômetros do Pedal dali soltamos o freio passando pelo Bexiga, por debaixo do Vale do Anhangabaú, e chegando na Marginal Tietê, rapidinho por volta da zero hora de sábado estávamos entrando na Rodovia Ayrton Senna da Silva, dali iríamos até Taubaté aonde entraríamos na Rodovia Presidente Dutra, aproximadamente 150 quilômetros, o primeiro ponto de parada, era no primeiro posto da rodovia, onde chegamos por volta zero horas e trinta minutos, ali descansamos e repomos a nossa energia. Até ali fui puxando o pedal, dali em diante passei para o nosso amigo e uns dos administrador do grupo Jó Limeira e no fechamento o nosso amigo Anderson Lima, uma pessoa muito importante do pedal para que tudo ocorra bem.  Saímos do posto todos juntos e agrupados por ser uma área urbana ainda da Rodovia.

Nosso amigo Anderson Lima responsável pelo fecha do pedal,muito importante no grupo com sua paciência e veterano em cicloviagem.

Não queríamos dar sopa ao azar pois essa região não tem boa fama. Graças a Nossa Senhora de Aparecida, passamos de boa.

Edmilson e sua inseparável magrela.

Passando o primeiro pedágio, começou uma sucessão de pneus furados!!! Amigos foi bastante na madrugada inteira!!!! Mais de vinte pneus furados! Arrumava um, furava outro e tinha hora que nem saíamos do lugar. Quando amanheceu, estávamos arrumando pneus, e a nossa sorte é que o Marcelo estava lá para ajudar! Um amigo bastante prestativo.

Parou por quê? Por quê parou? Porque o pneu furou, horas kkk…….

De manhã não estávamos nem em Guararema ainda……..Tinha dito que eu iria soltar a galera para andar mais rápido, respeitando o guia e fiquei no fechamento do pedal. Naquele trecho, a van parou no acostamento e começou a chover. Ficamos debaixo de uma ponte, Andréa, Priscila, Roberto e o Márcio decidiram entrar na van, aquele anda e para já estava frustando todos. Fiquei para trás. Tocou o rádio e tinha mais um com o pneu furado e a bike do Mi quebrou então fomos resgatar !! Decidi entrar na van também e começo a resgatar os amigos, pois a galera que queria pedalar, estava com a ansiedade de chegar! A grande maioria nunca tinha ido para Aparecida. Paramos no posto em Guararema, e começamos a arrumar umas câmeras e vimos uma galera na pista metendo marcha.

No resgate dos pneus furados.

Esperamos um tempo e fomos para o outro ponto de parada, uns 40 km na frente, passamos nossos amigos na pista. Nossa amiga Amélia Rodrigues,  pedalando firme e forte debaixo de chuva no pique total deu um ânimo em todos que estavam na van para voltar a pedalar. Menos para o nosso amigo Mi, pois a bike não daria para concertar ali na hora….. triste……

Voltamos a pedalar em um dos trechos com mais subidas na cidade de Caçapava, eu e Douglas ficamos para trás e a outra galera foi na frente. Ouvia no rádio que tinha furado o pneu de mais um, outro pneu ……., e assim passamos Caçapava. Alguns amigos estavam tão ansiosos, que nem pararam na parada de Taubaté.

André, Diego Vz, Gabriel ,Paulo Sérgio na divisa Caçapava e Taubaté

Foi aí que vi meu amigo Mi desconsolado!!!  Emprestei a minha bike para ele, (eu já cheguei em Aparecida pedalando e ele vai ter a mesma sensação!!! ) O olho do menino até brilhou e nessa altura já tínhamos amigos que já estavam lá em Aparecida postando fotos. Fiquei lá no posto com os motoristas Demor e Elias . O celular toca novamente e o Gabriel estava com a bike quebrada na Rodovia Dutra, fomos ajudar ! Quando entramos na Rodovia já sentimos a presença de Nossa Senhora de Aparecida!! Na Rodovia vi os romeiros a pé. São todos perseverantes, pois tenho certeza de que com a bicicleta a peregrinação é ser mais fácil que que caminhando. Tinha tendas de apoio, com café, pães e bolos.  Tinha até massagista para apoiar os romeiros. Em outubro é uma energia maior, e fomos passando os amigos e encontramos o Gabriel e ele já tinha arrumado a sua bike!

Tendas ao apoio aos romeiros, uma caridade muito bem vinda a todos nós, e a presença de Nossa Senhora de Aparecida, mais forte.

O último ponto de parada foi na cidade de Roseira, aonde as meninas já tinham chegado na frente!!! Apressadinhas essas meninas!

E assim foi chegando a turma de pouco em pouco, a última galera chegou as 15:30h , todos bem e felizes!!! Foram conhecer a Basílica e comprar umas lembrancinhas .

200 km de fé e superação.

Um forte abraço para todos vocês que foram nessa romaria de Fé e Superação.

Até a próxima galera do pedal.

Companheiros dessa aventura: Douglas, Rafael, Edmilson, Ismael, Diego, Marciano, Markito, Mi, Andre, Diego, Job, Luís, Eduardo, Rodrigo, Marcelo, Roberto, Jó, Fernando, Sérgio, Márcio, Diego, Anderson Lima, Anderson Santana, Amélia, Andrea, Priscila, Xandão,  Gabriel, Paulo Sérgio, Demor, Elias, China e  Sérgio.

Até a próxima amigos!

 

Para onde será a próxima cicloviagem?

 

Vejam outras fotos da nossa aventura !

Nossa amiga Amélia Rodrigues. Um exemplo de ciclista 200 km firme e forte.

Rodrigo, China e Jó na primeira parada em Guarulhos.

André e Paulo guerreiros no pedal.

Nosso amigo Xandão, falta pouco, força.

Márcio nosso amigo!!! Feliz por chegar!

Nosso guerreiro China!!! Parabéns pelo o pedal!

Nosso amigo Luís.

Ismael e Diego os primeiros a chegarem. Parabéns amigos!!

Marcelo, Marciano Markto e Anderson Santana sempre juntos no pedal.

Nosso amigo Roberto. Pedal é com ele mesmo!

Markito e Mi chegaram!!! Parabéns!

Sérgio na estrada.

Parabéns Makito .

Bike pronta pra continuar !

Douglas, Andrea e Anderson

Rodrigo, China e Job

Parabéns amigo.



Publicado em: 27/10/2017 - Atualizado em: 30/10/2017

A EasyBikes utiliza imagens arrematadas em pesquisas diárias. Portanto, ressaltamos que algumas imagens não são de nossa autoria ou cedidos formalmente para utilização no site. Por favor entre em contato pelo nosso formulário caso seja o autor de alguma imagem utilizada e gostaria que a mesma fosse removida.